Etiqueta de viagem, diferentes formas de cumprimentar por todo o mundo

Gostou deste Artigo? Partilhe com os amigos

Etiqueta de viagem, diferentes formas de cumprimentar por todo o mundo, Segundo o site Hotéis.com
Para que os viajantes não cometam erros ao cumprimentar pessoas em diferentes países,  aqui se explica os detalhes do cumprimento por todo o mundo:

Hotéis.com

Japão

Os japoneses são muito tímidos e reservados. Beijos em público são um tabu social, dado que são a mais marcada forma de intimidade na tradição japonesa. No Japão até os apertos de mão são uma excepção. Quem quiser manter os standards desta sociedade, deve limitar-se a fazer uma vénia ou, para os desconhecidos, acenar ligeiramente. Este comportamento distante está muito enraizado na tradição japonesa, não existindo sequer uma palavra para “beijo” em tempos antigos.
Egipto
A amizade entre homens é muito importante no Egipto, e estes abraçam-se ou dão beijos na cara. Um aperto de mão é muito pouco comum, portanto os viajantes do sexo masculino nunca devem começar um encontro desta forma, apenas se a outra parte o fizer. As mulheres limitam-se a um sorriso tímido ou um aceno.
Portugal
Os bons amigos portugueses cumprimentam-se com um abraço apertado, enquanto todos os outros (excepto quando são dois homens que não são de família chegada) utilizam dois beijos – primeiro à esquerda e depois à direita. Em Portugal até as crianças têm que cumprimentar os adultos com dois beijos na cara, e os pais levam esta questão de educação muito a sério.
Alemanha
Dado que o mundo de negócios alemão é muito tenso, um beijo de cumprimento ao patrão não é a melhor opção para começar uma conversa. Entre amigos, os alemães preferem um abraço apertado para se cumprimentarem do que um beijo na cara ao dizer olá ou adeus. Mas há excepções, algumas mulheres (e apenas mulheres) cumprimentam-se com um beijo na cara. Os homens limitam-se a apertos de mão.
França
Os franceses beijam avidamente e, ao comparar o Norte e o Sul do país relativamente às suas cerimónias de cumprimento, isto torna-se óbvio. Ao cumprimentar os amigos, no Norte utilizam-se dois beijos em cada lado da cara, e no Sul três – esquerda, direita, esquerda. Em Paris é diferente: um beijo com a combinação esquerda, direita, esquerda, direita, iniciado com um pequeno abraço. No que respeita aos contactos com estranhos, os franceses são mais reservados e não utilizam os beijos.
Espanha
Em Espanha, alguém que não dê um beijo na cara quando cumprimenta alguém é tomado como estranho e arrogante. Os homens espanhóis gostam de dar o primeiro passo cumprimentando as mulheres do lado direito e depois à esquerda, e simultaneamente abraçando ligeiramente a cintura. No entanto, há que ter muito cuidado, isto não é comum no escritório ou em circunstâncias profissionais.
Reino Unido
Em comparação com o resto da Europa, os britânicos são mais conservadores e menos emocionais ao cumprimentar com um “Como está?”. Este é o processo entre homens e com estranhos, juntamente com um aperto de mão. No entanto, a frieza britânica começa a encaixar cada vez mais rituais de outras nacionalidades. Assim, principalmente entre mulheres, começa a ver-se mais os dois beijos na cara e os abraços, entre amigos próximos e familiares.
Brasil
Apesar das fotografias do Carnaval brasileiro, os brasileiros em geral preferem um conservador aperto de mão, principalmente os homens. Apenas os muito bons amigos dão beijos no lado direito da cara enquanto se cumprimentam, e em algumas situações dão até três. Com os membros da família, o beijo na esquerda e depois na direita é obrigatório.

Gostou deste Post?
Criado por MisterWP - Blogues Profissionais em Wordpress